Viajar por conta própria pode ser uma experiência realmente incrível. É uma chance de empurrar sua zona de conforto, experimentar coisas novas e conhecer pessoas. Aqui vão algumas dicas para ter uma experiência divertida e libertadora que a ajudará a crescer como pessoa.

1. Segurança em primeiro lugar

Imprevistos acontecem mas é possível estar preparada para a maior parte deles. Sempre haverão riscos (e eles tendem a aumentar ao sair de casa sozinha). Apesar disso, o risco não deve impedir você de realizar seus sonhos. Há algumas coisas que você pode fazer para diminuir as chances de acontecer algo ruim na sua viagem. Veja algumas dicas:

Contrate um seguro-viagem

Você precisa ter um serviço que pode apoiar você no caso de imprevistos como a perda da sua bagagem, etc. Eu diria que é essencial principalmente no caso de viagens internacionais.

Mantenha cópias dos seus documentos

Deixe cópias dos seus documentos com alguém de confiança como seus familiares ou amigos próximos. Isso pode ser muito útil caso você os perca em algum momento.

Comece pequeno

Caso você nunca tenha viajado sozinha, você pode começar com uma viagem de curta duração. Não é necessário fazer um intercâmbio de um ano ou conhecer o continente europeu. Pode ser um mês ou até mesmo um final de semana em alguma cidade próxima para você ir formando sua própria experiência em viajar solo. Aos poucos você vai aprender o que você gosta e o que não gosta ao planejar as suas viagens. Por exemplo, apesar de muitos guias sugerirem a estadia em hostels, eu sei que é algo que não funciona mais pra mim - eu prefiro ter o conforto de um quarto e um banheiro privado.

Finally, being independent is a quality that can be learned. You can completely challenge yourself on a daily basis to gradually learn to manage on your own. For example, you can plan a day trip to a city you don't know: you will develop useful reflexes for your future solo trips. - La Voyageuse

Sexismo e assédio

Ser mulher torna tudo um pouco mais difícil. Quando um homem decide viajar e aventurar-se sozinho, há menos receios e normalmente as pessoas acham uma atitude mais normal do que quando uma mulher decide fazer o mesmo.  De fato, o risco de viajar sozinha sendo mulher é um pouco maior. Assédio é algo real, e muitas culturas ainda são muito sexistas - infelizmente é o caso de países como o Brasil. Infelizmente não há o que fazer, só ter a consciência de que essas coisas acontecem. Apenas lembre-se de que são atitudes e pensamentos medíocres - não deixe de fazer as coisas por isso.

Algumas dicas para evitar problemas:

  • Nunca deixe sua bebida ou drink desacompanhado;
  • Busque vestir peças de roupa de acordo com a cultura local;
  • Não aparente estar perdida mesmo que você esteja: prefira entrar em algum café ou estabelecimento para pedir ajuda ou fazer uma pesquisa rápida no seu celular e voltar ao seu rumo;
  • Confie em seus instintos e não conte os detalhes da sua viagem (como onde você está hospedada) para pessoas estranhas;
  • Prefira chegar durante o dia para fazer o check-in na sua pousada, hotel ou airbnb. Você pode filtrar seu voo de chegada para isso;
  • Informe-se sobre os meios de transporte locais: metros, trens e ônibus podem não funcionar depois da meia noite e aplicativos de transporte podem nem sempre estar disponíveis a depender da sua localização;
  • Meios de pagamento: tenha mais de um à disposição, inclusive dinheiro em espécie. Liquidez é importante, mas se o orçamento estiver apertado, ter um limite de crédito maior à disposição é sempre bom.
8 Safety Tips for Solo Female Travel - NerdWallet
Solo female travel can be a rewarding experience, but also a complicated one. These safety tips can help you navigate a new destination like a solo traveling pro.

2. Planeje com antecedência, mas mantenha-se flexível

Há muitos benefícios em viajar sozinho, desde que você se prepare tanto mentalmente quanto fisicamente para a viagem.

Escolha cuidadosamente seu destino - evite destinos românticos ou muito família (algumas ferramentas como o Booking já mostram locais que são mais amigáveis para solo travelers).

Familiarize-se com seu destino antes de partir. Conheça os costumes e leis locais. Há muitos guias e blogs de outros viajantes que compartilham suas experiências online. Além disso, você você usar sites com o tripadvisor e o próprio Google Maps para definir seu roteiro e ajudar a encontrar meios de se locomover pela cidade.

3. Aproveite fazer as coisas em seu próprio ritmo

Aventurar-se sozinha é uma das maneiras mais gratificantes de viajar. Não há ninguém com quem ficar enquanto você explora seu destino. Isso significa que você pode tomar todas as suas próprias decisões, fazer tudo ao seu próprio ritmo e aproveitar ao máximo toda a experiência.

4. Esteja aberta para conhecer novas pessoas

Há muitas formas de conhecer pessoas presencialmente (em um cenário não-pandemico). Busque incluir algumas atividades em grupo como trilhas, pub-crawls ou visitas guiadas (há muitas opções, inclusive opções gratuitas - sendo sempre recomendado pagar voluntariamente). Outra forma interessante de conhecer pessoas é se aplicar em algum curso de idioma.

5. Tome as precauções de segurança e confie sempre em seus instintos

Mantenha contato com família e amigos. Avise eles para onde você está indo e também a quantidade de dias que você pretende ficar fora. É sempre importante escutar o sexto sentido para evitar furadas.

6. Momentos embaraçosos em viajar solo

A realidade de viajar sozinha pode trazer alguns momentos embaraçosos. Separei algumas frases comuns de se ouvir para você já se preparar antes mesmo de chegar ao seu destino.

“Que corajosa”

Viajar sozinha não é pra qualquer um. Muitas pessoas não conseguem nem ir ao cinema sozinhas, imagina então fazer uma viagem inteira. Uma reação que me trouxe maior surpresa foi de uma atendente de uma loja que falou: "Nossa, você é muito corajosa. Parabéns”. E realmente, eu não tinha parado para pensar - mas sim, sendo mulher, viajar é uma ação que requer o mínimo de coragem.

“Mesa para um?”

Prepare-se para se sentir desconfortável em alguns momentos - sendo um deles o jantar. O garçom vai pedir "mesa para quantos?” e você deve responder simplesmente "uma pessoa”. Pensa comigo: o ticket-médio de uma mesa com uma pessoa costuma ser bem menor do que o de um grupo de pessoas, família e amigos. Dependendo do local, você acabará sendo atendida depois - enfim - esteja preparada para isso. Alguns lugares são mais interessantes para viajantes solos, porém nem sempre é uma informação que você conseguirá obter antes de ir.

7. Surpresas agradáveis em ser uma viajante solo

Se por um lado você pode vivenciar alguns momentos embaraçosos, por outro, você pode ter algumas vantagens em viajar sozinha sendo mulher. Eu mesma já ganhei alguns upgrades, como receber um carro melhor do que o modelo que eu havia reservado para locação e até mesmo um lugar na executiva, tendo pago a passagem econômica.

O importante é estar aberta. Para cada 5 pessoas boas, você encontrará uma que é mal humorada e não vai te ajudar. Mas de forma geral, as pessoas são positivas e vão encorajar você a viver o melhor da sua viagem.

Too much emphasis is often placed on the dangers posed by certain individuals, but this fails to remind you that most people are generously caring. - La Voyageuse